sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

Menino autista de 14 anos faz mestrado em física quântica

Aos dois anos de idade, o jovem americano Jacob Barnett recebeu diagnóstico de autismo, e o prognóstico era ruim: especialistas diziam a sua mãe que ele provavelmente não conseguiria aprender a ler nem sequer a amarrar seus sapatos.
Mas Jacob acabou indo muito além. Aos 14 anos, o adolescente estuda para obter seu mestrado em física quântica, e seus trabalhos em astrofísica foram vistos por um acadêmico da Universidade de Princeton como potenciais ganhadores de futuros prêmios Nobel.
Jacob-Barnett
Jacob-Barnett-child-genius-2jacob-barnettthe-next-nobel-peace-prize-winner
jacob
Fonte: Folha de São Paulo

Lei Brasileira de Inclusão

Nesta sexta-feira, 26, às 08h00min, aconteceu no auditório da Secretaria de Estado de Educação e Esporte - SEE, a apresentação da Lei Nº 13.146, de 6 de julho de 2015 - Lei Brasileira de Inclusão de Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência). 
Evento promovido pelo CONEDE/AC - Conselho dos Direitos das Pessoas com Deficiência e Governo do Estado do Acre através da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos - SEJUDH/AC.
A equipe do NAAH/S se fez presente.

SAIBA MAIS SOBRE A LEI.
O texto garante direitos em diversas áreas. Confira abaixo os principais avanços da LBI:

EDUCAÇÃO
• Proibição de escolas privadas cobrarem a mais de alunos com deficiência
• Oferta de auxiliar de vida escolar
• Reserva de no mínimo 10% de vagas em cursos de educação superior
• Obrigação de disciplinas com conteúdos sobre deficiência em cursos superiores
• Escolas de idiomas, informática e outros cursos livres são obrigadas a oferecer material acessível. A mudança é uma proposta da LBI que altera o Código de Defesa do Consumidor.

COMUNICAÇÃO, CULTURA E LAZER
• Garantia de acessibilidade nos serviços de telefonia
• Pessoas com deficiência poderão escolher os locais acessíveis em casas de shows e espetáculos e esses locais devem acomodar grupos comunitários e familiares
• Salas de cinema terão de exibir semanalmente ao menos uma sessão acessível com Libras, legenda closed caption e audiodescrição.
• Hotéis deverão oferecer ao menos 15% de dormitórios acessíveis.
• Pronunciamentos oficiais, propaganda eleitoral obrigatória e os debates transmitidos pelas emissoras de televisão devem ser acessíveis
• Telecentros públicos deverão oferecer no mínimo 10% de recursos acessíveis para pessoas com deficiência visual
• Nos lançamentos de livros, terão também de ser disponibilizadas as versões acessíveis dos títulos
• As editoras não poderão usar nenhum argumento para negar a oferta de livro acessível

TRABALHO E PREVIDÊNCIA SOCIAL
• Criação do Auxílio Inclusão, benefício de renda complementar ao trabalhador com deficiência que ingressar no mercado de trabalho
• Estímulo à capacitação simultânea à inclusão no trabalho
• Trabalhador com deficiência ou seu dependente poderá sacar o FGTS para comprar cadeira de rodas, órteses, próteses e materiais especiais.

DIREITOS CIVIS E AÇÕES DE COMBATE AO PRECONCEITO
• Pessoas com deficiência intelectual terão direito ao voto e ser votado, ao casamento e a ter filhos
• Harmonização com o Código Penal de penas relacionadas ao preconceito, descriminação e abuso contra a pessoa com deficiência
• Proibição de planos de saúde cobrarem a mais de pacientes com deficiência
• Plano de saúde devem oferecer tudo o que o SUS oferece à pessoa com deficiência
• Garantia de acessibilidade no acesso à Justiça para todos os envolvidos no processo

MECANISMOS DE POLÍTICAS PÚBLICAS E DEFESA DE DIREITOS
• Tribunais de Contas passarão a fiscalizar também a aplicação das normas de acessibilidade
• A reforma de todas as calçadas passa a ser obrigação do Poder Público, que deverá tornar todas as rotas acessíveis

ASSISTENCIA SOCIAL
• Mudanças no critério de renda para receber o BPC
• Oferta de centros de orientação e encaminhamento para serviços à pessoa com deficiência.

HABITAÇÃO
• Aumento da reserva das unidades habitacionais para 10%
• Criação de residências inclusivas
• Condomínios deverão oferecer ao menos 10% das unidades adaptadas ou com Desenho Universal, e as demais devem ser adaptáveis

ISENÇÃO E INCENTIVO FISCAL
• Isenção de IPI para beneficiários com deficiência auditiva
Foto de Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência - Fazendo valer.












Governo entrega 43 veículos para apoio ao Programa Asinhas da Florestania

Os veículos vão dar suporte aos monitores e crianças que fazem parte do programa Asinhas da Florestania, uma extensão infantil do programa Asas da Florestania, trabalho realizado na educação rural do estado. Desde 2009, mais de dez mil crianças, em 300 comunidades, já foram atendidas.
O NAAH/S foi prestigiar esse momento especial para a educação rural do Estado.
 

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Arte em alta!

Bruno Afonso, identificado em 2010, agora mais um novo funcionário do NAAH/S, especialista em HQs, tem mostrado o seu talento em desenhos livres. Não apenas isso, tem trabalhado em parceria com o artista Marco Mello (NAAH/S), no aperfeiçoamento de novas técnicas e desafios para melhor trabalharem na identificação de novos talentos.

Poesias inéditas de Iury Aleson

Ao longo dos anos de criação do NAAH/S-AC, temos observado que muitos talentosos são, de fato, focados e persistentes em seus interesses e se aperfeiçoam com o tempo. É o caso de Iury Aleson, identificado em 2009, hoje funcionário do Núcleo, que continua com uma intensa produção poética. 
Iury, nesta publicação, nos brinda com 3 poesias inéditas, com seu estilo inconfundível, e que o torna admirado por muitos outros poetas.

Reação do esguicho

Talvez algum dia eu fique cansado
Talvez eu fique menos tolerante
Talvez algum dia eu tenha vergonha de mim mesmo.
Talvez eu grite fácil, com certeza vou ter sono.
Talvez eu fique cheio de trabalhar
Talvez a luta do dia a dia pareça um arrombo
Talvez eu fique sem assunto com o melhor amigo
Talvez algum dia eu me torne olheira
Talvez eles digam que sou chato e passivo
Nesse dia talvez eu me acomode
Nesse dia talvez ou até quem sabe eu acorde

Quero dormir até tarde
Comer porcaria, blefar o amor,
Bordar um cão, ver tevê e acessar.
Quero bolacha para mastigar
Regar as orquídeas no húmus do meu coração
Viajar para o sol e ver o escuro
Saltar, soltar lágrimas travestidas, pois...

Talvez algum dia eu veja que só preciso reagir
Talvez algum dia eu entenda que só preciso sorrir
O que é mesmo construir?
A mariposa escrava das palavras
Descobriu o acorde que faltava
Voltou para casa
Para os amigos além das metáforas...


Morgado

Eles resolveram brincar de fogo cruzado
Decidiram terminar o “Marido & Mulher”
Eles são jovens, mas já quebraram o que foi conquistado,
Os pratos, o balde e os celulares trocados.
Destruíram o cordão umbilical, eles enfrentaram-se!
Ela chorou encolhida
Ele gritou devido à bebida
O prato espatifou, tudo rachou
Como terra sem água
Como Macunaíma sem Ci.
Nessa trincheira da terceira guerra
Ambos vão se ferir!
Ela ama ele?
Ele ama ela?
Brigaram por ser nova a panela
Lutaram um  o outro,
Não ligaram se eu queria dormir
Um Hitler e um Stalin,
Duas cordas para subir

Não sei o que fazer
Ele empurra
Ela provoca, quer ver o limite
Uma bomba atômica estoura
Será que ela vai suportar?
Será que vou agüentar?
A vela já era junto com os cigarros
Não chamo terceiros,
Mas a violência aparto!
E no meio, dos lados,
Impotente e enfadado
Satirizo por dentro!
Digo pateticamente:
Descascou o blindado e o dreno!
Mas o silencio é só um trago
Eles as luzes apagam,
Passo a noite acordado.


Mariposa entediada

O que é a vida?
Para mim grades e
Inconsciência política.
Mandaram-me para Marte,
Vou refletir esses casos isolados
De masturbação estuprada,
Fazem indolente a psique rasgada.

Ah... Como dói ser inútil
Sentir-se assim porque
A mulher amada manda em mim!
Deixa mandar! Vou brincar como criança e da mesma
Forma as exigências ignorar.
Ah... eu não tenho coragem de acabar
Terei com todos, sozinho me suportar.
Eu tenho que fazer uma coisa, eu escolhi eu desejei.
Mas fico parado e grito:
Eu sou um gay
Sonhando com palhetas e cavaletes
Conspirações nefastas de nervos
De erros que eu poderia ter cometido
Consumações de um contido
E livros, obituários relidos

Não sou agressivo, sou tímido.
Sinto prazer nos mamilos
Finjo ao tropeçar, nos sonhos oblíquos
E na insatisfação dos dendritos!
                                          
       

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Mobilização contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.

O vice-presidente da República Federativa do Brasil, Michel Temer, cumpriu agenda no Acre nesta sexta-feira, 19. Em Rio Branco, Temer participou, junto com o governador Tião Viana, prefeito Marcus Alexandre e outras autoridades, de mais uma mobilização contra o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus.
A agenda foi realizada na Escola José Sales, no bairro Universitário, às 10 horas. Simultaneamente, mais dez escolas da rede pública de ensino também tiveram ações de combate ao mosquito, com participação do Corpo de Bombeiros.
O governo do Estado tem declarado total engajamento contra a proliferação do Aedes aegypti junto com a prefeitura de Rio Branco e o Exército.
Só nos casos de dengue a redução nas notificações é de 70%, caindo de 3.374 casos no ano passado para 1.321 no mesmo período de 3 a 30 de janeiro.
O Estado ainda não tem registro de casos de febre chikungunya e do vírus zika confirmados, mas as notificações da chikungunya chegam a 80 casos e do zika a 100 desde dezembro do ano passado.
Só no Acre, 1.743 homens do Exército auxiliarão as prefeituras de 10 cidades no combate ao mosquito. Em Rio Branco já foram vistoriadas 64 mil residências pelas equipes de endemia e quatro mil gestantes já foram identificadas e são acompanhadas pela prefeitura.
O estado registra 19 casos de microcefalia em recém-nascidos desde dezembro do ano passado e todos estão sob investigação para saber se estão relacionados ao zika vírus.
Michel Temer vem ao Acre para cumprir agendas políticas junto a correligionários de seu partido no estado. Ele aproveita o momento para também aceitar o convite do governador Tião Viana, intermediado pelo atual ministro da Educação, Aloysio Mercadante, de reforçar junto à população o combate ao Aedes aegypti, que hoje possui caráter nacional.


Como não poderia deixar de ser, o NAAH/S se fez presente com toda a sua equipe. 

Confiram...

 
  
 
 
 
 

 

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Exposição: Frida El Mito Vivente

Para quem perdeu em 2015 a exposição de Luís Eduardo: Frida El Mito Vivente, terá uma nova oportunidade neste mês. As obras estarão expostas no Tribunal de Justiça a partir das 10h00min.

Recomendamos muitoooooo!!!




Bloquinhos com arte

Sabe aquelas folhas de papel que, por alguma razão, vamos colocar no lixo? Pois é, elas podem ser reaproveitadas na forma de blocos para rascunho. E, quando se tem talentos por perto, ainda dá para arrematar com aquela obra dos seus artistas queridos. Vamos conferir?

 Giulia Anastácio

Lenny Mara 

Luís Eduardo 

Kleber Lucas 

Miquéias 

Gabi Ferreira 

Kleber Lucas 

Giulia Anastacio 

Lucas Santos 

De volta ao trabalho!

O retorno das férias começou a todo vapor com novas contratações e planejamentos.
Iury Aleson e Bruno Afonso, ex alunos identificados pelo NAAH/S, agora são funcionários do Núcleo que foram contratados para somarem ainda mais com seus talentos nas áreas de arte e produção textual.
Profª Samara também está se juntando ao time da equipe de orientação para continuarem atendendo com excelência nossos colegas do AEE nas escolas.

Então... Vamos ao trabalho!

COORDENAÇÃO GERAL
Brenda Nádyla

PRODUÇÃO DE MATERIAL PEDAGÓGICO
Janete

CAPACITAÇÃO
Waldirene, Luciana
Gleicilene, Glenny

ORIENTAÇÃO
Geciane (canto esquerdo), Taís (canto direito)
Geciane e Márcia, Samara
Thiago (canto direito) 

IDENTIFICAÇÃO
Marco, Beth, Jane, Lucilene, Iury, Bruno 
Lucilene (canto esquerdo)


PARABÉNS AOS NOVOS CONTRATADOS!!!
SEJAM MUITO BEM VINDOS AO NAAH/S!!! 
Bruno Afonso, Iury Aleson
Samara

Seminário de Educação Especial

O Núcleo de Atividades  de Altas Habilidades/Superdotação – NAAH/S  prestigiou  neste dia 08 de dezembro o   Seminário de Educação Especial...